Lista de Cidadãos Independentes *POR OTA*, concorrente às Eleições Autárquicas de 2009

Por Ota | Quinta-feira, 19 Fevereiro , 2009, 16:06

Recebemos no passado dia 14/02/2009 um e-mail do Sr. José Pinto de Sousa pretendendo auscultar a nossa opinião sobre a implantação em Ota de um eventual Aeródromo; como não podia deixar de ser publicamos a seguir o referido e-mail, assim como a minha opinião pessoal sobre o assunto em causa.

 


Boa tarde,

Na última sessão da Assembleia Municipal de Alenquer, o PS, através do deputado José Lourenço, propôs a reconversão da pista da base aérea da Ota em Aeródromo Municipal, de modo a servir o concelho de Alenquer e toda a Região Oeste.

Gostaria de saber qual é a posição da lista "Por Ota" neste assunto.

Obrigado


O Sr. José Pinto de Sousa (por coincidência com o nome do nosso primeiro Ministro) levanta-nos uma questão a que vou responder apenas com a minha opinião pessoal.

 

Como é do conhecimento geral, o Centro de Formação Militar e Técnico da Força Aérea dispõe, em Ota, de uma pista – actualmente pouco mais que desprezada - que poderia, eventualmente, servir toda uma vasta Região e, por conseguinte, várias actividades económicas nesta zona, das quais destaco o Turismo. Como é óbvio, qualquer mais valia económica para a nossa Região será sempre bem vinda; mas não acha que o próprio Governo teria lançado mão dessa ideia, se a achasse concretizável, afim de atenuar os efeitos da controvérsia causada pela rejeição do Aeroporto em OTA !?

 

 A Lista “POR OTA” está essencialmente vocacionada para defender os interesses desta Freguesia e, convenhamos, os seus habitantes estão demasiado fartos de “brincar aos aviões”. Durante cerca de uma década a Freguesia de Ota foi seriamente prejudicada pelas medidas restritivas impostas devido á eventual implantação do NAL; estudos efectuados durante anos a fio, com os respectivos e elevados custos associados foram, pura e simplesmente, deitados para o lixo, surgindo em sua substituição novos estudos efectuados em pouco mais de seis meses (!) e iniciados por promotores que não deram a cara, mas foram levados a sério, e originaram que a decisão da construção do NAL fosse radicalmente alterada.

 

Após esta decisão, quando se impunha a defesa intransigente do nosso Concelho – e a C.M Alenquer não se pode eximir desta responsabilidade - e no que me diz respeito, da minha Freguesia, quanto a medidas compensatórias, o que verifiquei é que, infelizmente, mais uma vez ficámos defraudados: alguém “sábiamente” decidiu atribuir cerca de 500.000 euros para a requalificação do Canhão Cársico de Ota, a serem aplicados ao longo de vários anos; por quem, como e que tipo de requalificação será feita ninguém sabe. Porventura nem sequer saberão o que é o dito Canhão Cársico ou onde se localiza.

 

Haveriam, certamente, obras mais prementes a serem efectuadas; por este “simples” motivo a minha opinião é que a minha atenção não será desviada para assuntos, nesta altura, pouco relevantes quando existem outros muito mais importantes para resolver.

 

            José Augusto Carvalho A. Honrado

 



André Lopes a 21 de Fevereiro de 2009 às 10:44
Olá uma vez mais.
Decidi comentar este poste , visto que, o tema é do interesse geral e por isso meu também.
Comecei a ler a sua resposta ao Sr. Pinto de Sousa e deparei-me com o curioso facto de no seu quarto paragrafo salientar a quantia atribuída " não sei se vai ser ou não ) para a requalificação do Canhão Cársico de Ota dado que em meados de Novembro li em vários jornais regionais (Nova Verdade e o jornal do oeste) que iria ser atribuída uma quantia de 900 000€. Acho extremamente estranho que por onde passe o dinheiro comunitário vá decrescendo. Parece que a nossa bela SERRA DE OTA (desprezada por todos e até por otensses ) é utilizada para tapar buracos do nosso concelho.

Já agora quero lançar o repto que deveria ser criado protocolos para a melhor exploração da Serra de Ota.
Obrigado uma vez mais pela dedicação nas minhas palavras
Saudações cordiais

Por Ota a 26 de Fevereiro de 2009 às 12:07
Em comentário já publicado referi o facto de ter sido atribuído á C.M. Alenquer um subsídio de 500.000 euros para a requalificação Ambiental do Canhão Cársico de Ota; o valor indicado foi-me comunicado verbalmente.

No entanto parece que, afinal, a verba a atribuir nem são os 500.000 € que eu referi, nem os 900.000 € que vinham mencionados na comunicação social: segundo documento da C.M. Alenquer, o qual tenho em meu poder, a verba será de 675.000 €, dividida em 3 anos (2011, 2012 e 2013). Não é divulgado o tipo de Requalificação que será levado a efeito.

Quanto a uma “melhor exploração da Serra de Ota” relembro que esta tem uma gestão própria repartida entre a Direcção Geral de Florestas e a Associação de Compartes de Ota. Competirá a estas duas entidades a promoção das actividades necessárias (Ambientais, lúdicas, etc) de forma a um seu melhor aproveitamento. Em momento oportuno poremos á consideração destas entidades algumas ideias que temos sobre este assunto, as quais poderão ser levadas á prática através de iniciativas conjuntas ou de protocolos específicos.

Ze a 3 de Março de 2009 às 03:43
Neste documento fornecido pela Associação de Municípios do Oeste: http://www.am-oeste.pt/_uploads/OesteLeziria/OesteLeziria.pdf a reabilitação do Canhão Cársico aparece no capítulo dos projectos de âmbito regional, supostamente promovidos ao nível municipal. Outros projectos são da responsabilidade da administração central. Sendo assim, para mim não é claro de onde vêm os fundos para a tal reabilitação do canhão cársico, até porque as fichas detalhadas dos projectos não estão anexadas ao documento. Presumo, no entanto, que seja possível consultá-las através da Câmara Municipal de Alenquer. O facto de não se referir o tipo de requalificação a fazer não me surpreende, depois de ler o relatório da Associação de Municípios do Oeste. Fizeram-me imprimir 39 páginas em que pouco ou nada dizem de concreto. Medíocre.

Por Ota a 3 de Março de 2009 às 15:48
O comentário que publicamos, proveniente de uma das pessoas mais entendidas sobre os temas Ambientais no Concelho de Alenquer, vem confirmar o que pensamos sobre este assunto (requalificação do canhão cársico de Ota no âmbito das medidas compensatórias), isto é: foi efectuado sem qualquer rigor e, porventura, nunca chegará a ser concretizado.

André Lopes a 5 de Março de 2009 às 23:11
Boa noite.
Após uma breve análise pelos documentos mencionados (a intenção e o outro que se encontra inoperacional) pelo Sr. Zé Carlos.
Constatei que era uma boa proposta e que vem ao encontra da minha ideia de bem explorar a Serra de Ota...
Será que um projecto destes é viável?

Outra questão que quero levantar é o tema de destaque, que se encontra na capa, do jornal Nova Verdade. A propósito deste tema qual é a opinião da Lista?

Obrigado pela atenção
André Lopes

Por Ota a 12 de Março de 2009 às 15:54
O projecto mencionado pelo sr. José Carlos será viável se houver o empenhamento de todas as entidades que devem interessar-se por esta matéria, entre elas, a Câmara Municipal, Junta de Freguesia, Associação de Baldios e organizações ambientais, apesar de todos os constrangimentos orçamentais por que passamos actualmente.

Quanto ao tema de destaque que se encontra na 1ª pág. da “Nova Verdade” (penso que se estará a referir á publicação de 1/03/2009) cujo título é “AICEP inviabiliza 400 milhões de euros de investimento na Ota”, por não ter pormenores concretos sobre este assunto, dado que não o acompanhei de perto, não devo pronunciar-me sobre quem recai a responsabilidade de mais uma decisão negativa para o Concelho de Alenquer. Existe, no entanto, um facto concreto: houve mais um investimento possível na área do Concelho – por coincidência, e mais uma vez, em Ota – que não se concretizou e, por conseguinte, não se aproveitou a oportunidade para dinamizar toda a economia do Concelho de Alenquer.

José Carlos Morais a 14 de Março de 2009 às 22:41
O link para a ficha de projecto para o "Canhão Cársico de Ota", incluida no programa de compensações pela deslocalização do NAL é este: www.am-oeste.pt/_uploads/OesteLeziria/F2-104.pdf
Peço desculpa pelo erro no anterior post... faltava uma /..

José Carlos Morais a 3 de Março de 2009 às 19:55
A ficha para a intervenção aprovada para o Canhão Cársico de Ota pode ser consultada aqui: www.am-oeste.pt/_uploads/OesteLeziriaF2-104.pdf
Saliento que não existe finaciamento do poder central e que o financiamento do poder local terá que ser obtido através de candidatura a fundos comunitários. Se isto é uma contrapartida.......Se repararem também o projecto está apenas na fase de "intenção".
Já agora vejam o relatório que a Alambi entregou na Câmara de Alenquer sobre o Canhão Cársico após solicitação do coordenador da revisão do PDM. Está em http://www.alambi.net/pdfdocs/cco.pdf . Foi elaborado em Setembro de 2007, deve ter sido usado como argumento para esta "contrapartida", mas depois de ter sido entregue a Alambi não voltou a ser contactada sobre o assunto.

José Carlos Morais a 14 de Março de 2009 às 22:46
O link para a ficha de projecto de requalificação Canhão Cársico incluida no Programa de compensações da deslocalização do NAL é: www.am-oeste.pt/_uploads/OesteLeziria/F2-104.pdf
Falta uma barra no link do post anterior... peço desculpa.

mais sobre nós
CANDIDATOS
pesquisar neste blog
 
Fevereiro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15
17
18
20
21

22
23
24
25
27
28


blogs SAPO